Empresa

Destaques do 17º Relatório de Transparência do Twitter

Por Twitter Brasil
Segunda-feira, 11 Janeiro 2021

A transparência entre empresas, órgãos reguladores, sociedade civil e público em geral é crucial para nosso trabalho no Twitter - é o princípio fundamental dos nossos esforços para preservar e proteger a Internet Aberta. Seguindo essa filosofia, em agosto, lançamos nosso novo Centro de Transparência do Twitter, com a intenção de facilitar a compreensão e a análise de nossos dados para quem acessa o Relatório Semestral de Transparência do Twitter.

O mais recente Relatório de Transparência do Twitter inclui dados de 1º de Janeiro de 2020 a 30 de Junho de 2020.

COVID-19

A pandemia da Covid-19 afetou severamente a rotina profissional de todos nós ao redor do mundo. Com as mudanças nos fluxos de trabalho, juntamente com as restrições específicas por conta da Covid-19, tivemos interrupções significativas e imprevistas em nossas atividades de moderação de conteúdo e na maneira como as equipes avaliam e aplicam nossas políticas - uma interrupção que se reflete em alguns dos dados apresentados agora. Aumentamos nosso uso de machine learning e automação para tomar uma ampla gama de medidas em conteúdos potencialmente abusivos e enganosos, ao mesmo tempo em que reforçamos continuamente a revisão humana em áreas nas quais a probabilidade de dano era maior.

Em março, lançamos uma política de informações enganosas sobre a Covid-19 para proteger ainda mais a saúde da conversa pública. Durante o período do relatório, nosso time aplicou medidas corretivas em 4.658 contas por violações a esta política. À medida que investimos mais em tecnologia, nossos sistemas automatizados desafiaram 4,5 milhões de contas que tinham como alvo discussões em torno da Covid-19 com comportamentos potencialmente manipuladores ou de spam.

Manipulação de plataforma

Mantivemos nossa abordagem de zero tolerância à manipulação de plataforma e a qualquer outra tentativa de prejudicar a integridade do nosso serviço. Nesse período, nosso time notou um aumento de 54% em desafios anti-spam — um crescimento que se deve, em parte, às medidas proativas que passamos a aplicar para proteger a conversa sobre a Covid-19. Observamos também um aumento de 16% no número de denúncias de spam, comparado com o último relatório.

Terrorismo e extremismo violento

Houve um aumento de 5% no número de contas removidas por violações das nossas políticas de terrorismo e extremismo violento durante o mesmo período - e 94% dessas contas foram identificadas de forma proativa. Nossos métodos atuais para incluir a análise humana em conteúdos potencialmente violadores também contam com o aproveitamento do banco de dados de hash, compartilhado pela indústria com o suporte do Fórum Global da Internet para Enfrentar o Terrorismo (GIFCT).

Exploração sexual infantil

Não toleramos exploração sexual infantil no Twitter. Este tipo de conteúdo é removido do serviço sem aviso prévio e denunciado ao Centro Nacional para Crianças Desaparecidas e Exploradas (NCMEC). À medida que expandimos nossas equipes e aumentamos a capacidade operacional nessa área, vimos um aumento de 68% na aplicação de nossa política sobre a exploração sexual de menores.

Direitos autorais e marcas registradas

Sob nossa política de direitos autorais, recebemos 15% mais notificações de remoção de Digital Millennium Copyright Act (DMCA), afetando 87% mais contas durante o período do relatório. Por conta da política de marca registrada, as notificações sobre o assunto diminuíram 30%.

Aplicação das Regras do Twitter

  • Comportamento abusivo/assédioDirecionar assédio a alguém ou incitar outros a fazê-lo é contra as Regras do Twitter. Houve uma redução de 34% no número de contas que sofreram medidas corretivas por violações da nossa política de comportamento abusivo.
  • Integridade cívica. Observamos um aumento constante no número de contas que sofreram medidas corretivas pela nossa política de integridade cívica, conforme as eleições aconteciam pelo mundo nesse período. Houve um aumento de 37% no número de contas que sofreram medidas corretivas por violação durante o período do relatório.
  • Propagação de ódio. Durante esses seis meses e em meio às interrupções no fluxo de trabalho por conta da Covid-19, observamos uma redução de 35% no número de contas que sofreram medidas corretivas sob nossa política contra propagação de ódio. Em março de 2020, essa política se expandiu para cobrir novas facetas de nossas diretrizes de desumanização,  proibindo especificamente qualquer linguagem que desumanize as pessoas com base em idade, deficiência ou doença.
  • Automutilação e suicídio. Não permitimos que as pessoas promovam, defendam e induzam outro indivíduo a cometer automutilação ou suicídio. Houve redução de 49% no número de contas que sofreram medidas corretivas por violações de nossa política de automutilação e suicídio.
  • Informações privadas. Temos regras claras sobre o compartilhamento de informações privadas em nosso serviço. Durante o período do relatório, continuamos a observar uma tendência de aumento na aplicação dessa política - crescimento de 68%. Esse salto deve-se aos nossos esforços proativos nessa área.
  • Nudez não consensual. Os números de medidas corretivas por publicações de nudez não consensual no serviço tiveram uma redução de 58%. Continuaremos trabalhando para melhorar os processos e modelos e termos a maior proatividade possível na manutenção de um ambiente saudável para as pessoas no Twitter.

Solicitações de informações (solicitações legais de informações de contas):

  • O Twitter recebeu 12.657 pedidos jurídicos de informações de contas especificando 25.560 perfis de 68 países diferentes durante esse período. 

Solicitações de remoção (solicitações jurídicas de remoção de conteúdo)*:

  • O Twitter recebeu 42.220 demandas legais para remover conteúdo, especificando 85.375 contas durante este período, de 53 países diferentes.
  • 96% do volume global total de solicitações teve origem de cinco países: Japão, Rússia, Coreia do Sul, Turquia e Índia.
  • Essas solicitações impactaram aproximadamente 13% a menos de contas em comparação com o período do relatório anterior.
  • Recebemos 19% mais denúncias com base nas leis locais de pessoas de confiança e de organizações não governamentais, impactando aproximadamente 7% de contas a mais, em comparação com o período do relatório anterior.

O que vem a seguir?

Como observamos ao longo do relatório, a pandemia da Covid-19 interrompeu significativamente nosso trabalho de moderação de conteúdo durante esse tempo - e que reflete em muitos dos dados apresentados hoje. Nossas áreas de adoção de medidas ajustaram suas abordagens dentro desse contexto e continuam a aumentar sua capacidade para voltar aos esperados fortes níveis de adoção de medidas pré-Covid.

Sempre haverá mais trabalho a se fazer neste espaço e continuaremos a compartilhar Relatórios Semestrais de Transparência do Twitter. Dessa forma, conseguimos dar mais clareza a nossas operações, visando a proteger a conversa pública.

Reconhecemos a importância de medir a prevalência de determinado conteúdo no Twitter e, por isso, contamos com uma iniciativa de longo prazo para que possamos fornecer transparência mais consistente sobre essas questões. Esperamos compartilhar mais detalhes quando possível.

Siga @TwitterBrasil e @TwitterSeguro para atualizações sobre nossas políticas e o nosso trabalho por mais transparência ao longo do ano.

 

*A menos que sejamos proibidos de fazê-lo, continuaremos a publicar as solicitações jurídicas em que atuamos diretamente no Lumen Database, uma parceria com o Berkman Klein Center for Internet & Society de Harvard.

Este Tweet está indisponível
Este Tweet está indisponível.