Empresa

Novos avisos de pesquisa para informações confiáveis sobre o HIV

Por ‎@kathleenreen‎
Quarta-feira, 1 Dezembro 2021

O Twitter lança hoje (1) mais um serviço com base no recurso de notificação #ExisteAjuda, funcionalidade que traz, como primeiro resultado na área de busca da plataforma, um link com informações úteis e de credibilidade em torno do assunto pesquisado. A partir de agora, o serviço estará ativado para informações relacionadas ao HIV no Brasil e em outros mercados nas regiões de Ásia-Pacífico e Américas - Hong Kong, Indonésia, Índia, Japão, Malásia, Filipinas, Cingapura, América Espanhola,   Taiwan, Tailândia e Estados Unidos. A notificação trará dados e ferramentas valiosos e confiáveis sobre o HIV e incentivará as pessoas a procurarem e obterem ajuda quando precisarem. Com base em nosso serviço de notificação, #ExisteAjuda está atualmente disponível no Brasil para saúde mental e prevenção de suicídio, vacinação, exploração sexual infantil, COVID-19, violência baseada em gênero e liberdade de expressão. O trabalho faz parte de nossos esforços para garantir que as pessoas tenham acesso a informações de qualidade em torno de temas de saúde e interesse público.

A partir de agora, quando as pessoas pesquisarem palavras-chave associadas ao HIV, o principal resultado da pesquisa incluirá uma notificação, em idioma local, encorajando-as a buscar informações confiáveis e fontes de ajuda - sejam sites ou linhas diretas de autoridades locais de saúde pública ou organizações sem fins lucrativos.

Este Tweet está indisponível
Este Tweet está indisponível.

Para garantir que as palavras-chave que geram o aviso permaneçam relevantes, o Twitter continuará a trabalhar em estreita colaboração com as autoridades de saúde pública e ONGs líderes que oferecem atendimento de emergência, testes, suporte emocional e serviços de aconselhamento. Algumas das palavras-chave de pesquisa no Brasil incluem, mas não estão limitadas a: #AIDS, #HIV, #PEP, #PrEP, #Sorologia

Este Tweet está indisponível
Este Tweet está indisponível.

Após 40 anos de quando os primeiros casos de AIDS foram relatados, o HIV ainda ameaça o mundo. Mas acabar com a AIDS requer acabar com as desigualdades, o que implica em mudanças transformadoras. As correções de rota de que precisamos para acabar com a AIDS também protegerão o mundo contra futuras pandemias. Portanto, estamos muito satisfeitos em fazer parceria com o Twitter em nossa jornada. Neste Dia Mundial da AIDS, encorajamos todos a usar #ExisteAjuda para acessar informações importantes sobre o HIV e nos lembrar de que as desigualdades globais afetam a todos nós, não importa quem somos ou de onde viemos. Junto com o Twitter, esperamos mover as sociedades do compromisso à ação, ampliando o acesso a informações confiáveis, encorajando o diálogo e moldando o discurso público para a criação de sociedades saudáveis e inclusivas.

Mahesh Mahalingam

Diretor de Comunicações e Advocacy Global da UNAIDS

Estamos empenhados em proteger a saúde das conversas públicas no Twitter. Garantir que os indivíduos possam encontrar informações confiáveis de fontes de credibilidade é uma parte fundamental desta missão. Também reconhecemos que é crucial para o público ter acesso a uma #InternetAberta e gratuita no combate ao estigma em torno do HIV. Portanto, estamos fazendo parceria locais com autoridades de saúde pública e organizações sem fins lucrativos na Ásia-Pacífico e nas Américas para fornecer às pessoas acesso a informações precisas sobre o HIV por meio do lançamento de um aviso #ExisteAjuda dedicado ao HIV. Esperamos das continuidade às colaborações para ajudar a promover a compreensão em torno do HIV pelo público em geral e na luta contra o estigma e a discriminação do HIV

Natália Neris

Coordenadora de Políticas Públicas do Twitter Brasil

Estigma do HIV durante a COVID-19

Apesar do progresso significativo das últimas décadas, o HIV continua a ser um grande problema para a saúde pública em 2021. A divisão e a disparidade para os direitos humanos há muito são os fatores que contribuem para as dificuldades enfrentadas pelas pessoas que vivem com HIV. A atual pandemia de COVID-19 tornou-os mais difíceis, exacerbando as iniquidades e interrupções nos serviços relacionados ao HIV. Em 2020, cerca de 800.000 crianças de 0 a 14 anos viviam com HIV sem acesso a tratamentos.

O tema deste ano do Dia Mundial da AIDS é “Acabar com as desigualdades. Acabar com a AIDS” e tem como foco principal destacar as crescentes desigualdades no acesso a serviços essenciais para o tratamento de HIV. A OMS está conclamando os líderes globais e os cidadãos a se unirem para enfrentar as desigualdades que impulsionam a AIDS e para alcançar as pessoas que atualmente não estão recebendo os tratamentos.

Dados do Twitter mostram que as conversas sobre o HIV aumentam em torno de #WorldAIDSDay, em 1º de dezembro de cada ano. Em 2020, havia cerca de 9 milhões de Tweets sobre HIV em todo o mundo, dos quais mais de 1 milhão de Tweets foram gerados em dezembro de 2020.

No Twitter, reconhecemos nosso papel e responsabilidade em ajudar a garantir que as pessoas possam acessar e receber suporte em nosso serviço quando mais precisam. As várias comunidades no Twitter são uma fonte de apoio positivo e estão prosperando, encorajando uns aos outros a lutar contra o estigma ou a falta de informação sobre o HIV. e a buscar ajuda profissional.

Unidos para ajudar a fornecer mais acesso a informações

Reconhecemos que o acesso a uma #InternetAberta e gratuita e a colaboração - pública, privada e comunitária - é a chave para combater o estigma em torno do HIV. À medida que as organizações locais continuam a usar o Twitter como um canal para identificar e chegar às pessoas vulneráveis com as quais, de outra forma, não teriam contato e para aumentar a conscientização sobre seus importantes serviços, esperamos que o #ExisteAjuda complemente esses esforços.

Abaixo estão nossas ONGs e parceiros governamentais de confiança nesta iniciativa que tornaram possível a notificação de HIV #ExisteAjuda em 30 mercados e em 12 idiomas. Continuaremos a expandir essas solicitações em outros mercados no futuro próximo.

Emoji do #DiaMundialDaAids

Em parceria com a UNAIDS (@UNAIDS), também estamos lançando um emoji especial da fita vermelha para aumentar a conscientização sobre o HIV. O emoji, que é o símbolo do Dia Mundial da AIDS, está disponível de 24 de novembro a 5 de dezembro de 2021. Ele aparecerá automaticamente no seu Tweet quando você Tweetar com as seguintes hashtags:

Este Tweet está indisponível
Este Tweet está indisponível.

Compreendemos nosso papel na divulgação de importantes informações de saúde pública. É fundamental ajudar as pessoas a encontrar informações confiáveis que melhorem sua saúde e bem-estar. Acreditamos que #ExisteAjuda e outras parcerias e iniciativas do Twitter nesta área são uma contribuição valiosa para os grandes e contínuos esforços para resolver este sério problema. Onde quer que você esteja, saiba que #ExisteAjuda.

Este Tweet está indisponível
Este Tweet está indisponível.